MUNDO

Primeiros casos da cepa H5N8 de gripe aviária em seres humanos é identifica na Rússia

gripe aviaria h5n6 Primeiros casos da cepa H5N8 de gripe aviária em seres humanos é identifica na Rússia

Autoridades russas afirmaram, neste sábado (20), que foi detectado o primeiro caso de transmissão da cepa H5N8 da gripe aviária para seres humanos e que já informaram à Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre esta “importante descoberta”.

Esse vírus é altamente contagioso entre as aves, mas nunca havia sido relatada sua transmissão para humanos.

A informação é de Anna Popova, diretora da agência sanitária russa, a Rospotrebnadzor, acrescentando que as sete pessoas contaminadas em uma granja do País “estão bem”.

Popova disse que cientistas do laboratório russo Vektor isolaram material genético da cepa dos sete trabalhadores de um criadouro no sul do país, onde se detectou uma epidemia de gripe aviária em dezembro passado. Os trabalhadores não sofreram efeitos graves para sua saúde e “se sentem bem”, acrescentou a responsável.

“Medidas foram tomadas rapidamente para controlar a situação”, completou Anna Popova

Resultado de imagem para lg net

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo