MUNDO

OMS declara alto risco de epidemia de ebola na África Ocidental

Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou nesta quinta-feira (18) que o risco de uma epidemia de ebola em países da África Ocidental como Guiné, Serra Leoa e Libéria é “alto”, já que não se sabe o tamanho, a duração e as origens do atual surto, além da limitada capacidade de resposta na região.

Também é preciso levar em conta as dificultades sofridas pelos sistemas de saúde locais devido à covid-19, aos recentes surtos de febre amarela e sarampo, destacou a organização.

No dia 14 de fevereiro, o Ministério da Saúde da Guiné informou à OMS que um grupo de pessoas havia sido infectado pelo vírus ebola após comparecer ao funeral de uma enfermeira em Nzérékoré, no sul do país.

Até o momento, foram confirmados sete casos relacionados a este surto, dos quais cinco morreram e outros dois estão sendo tratados em isolamento. Ao todo, foram identificados 192 possíveis contatos com esses afetados. Há preocupação de uma alta transmissão pelo fato de Nzérékoré ficar perto das fronteiras com Libéria e Costa do Marfim.

Resultado de imagem para lg net

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo