Polícia Civil investiga estupro de criança de dois anos em Santana de Mangueira

Por Júnior Viriato 26/03/2018 - 12:38 hs

Uma criança de dois foi vítima de abuso sexual na cidade de Santana de Mangueira, Sertão paraibano. De acordo com informações da Polícia Militar, a criança já vinha sofrendo abusos há um tempo, mas a polícia só teve conhecimento do caso nesse domingo (26).

De acordo com informações do delegado Demétrius Patrício, a criança chegou ao Hospital Infantil de Patos com ferimentos nas partes íntimas, e então os médicos acionaram a Polícia Civil.

Foi feito o exame pericial que confirmou o abuso sexual. “Com o exame foi confirmado que ela sofreu e estava sofrendo abuso, não foi uma única vez, ela estava sofrendo há um certo tempo”, afirma o delegado em entrevista ao radialista Fábio Diniz, da Arapuan FM em Patos. A mãe da vítima alegou que o ferimento íntimo se tratava de uma queda na calçada, e afirmou desconhecer abuso sofrido pela filha. Segundo Demétrios, inicialmente, a responsável sustentou que a criança não tinha contatos com desconhecidos, mas ao decorrer do depoimento admitiu que saía para trabalhar e deixava a criança em casa com uma pessoa, que geralmente recebia conhecidos no local.

O caso foi encaminhado para a Delegacia de Itaporanga, que vai investigar o caso. MaisPB