Jeová Campos e lideranças políticas de Uiraúna se reúnem com secretário João Azevedo para tratar de demandas da localidade

Por Júnior Viriato 01/02/2018 - 14:18 hs

Acompanhados do deputado estadual Jeová Campos, vereadores e lideranças políticas da cidade de Uiraúna se reuniram nesta quarta-feira (31), pela manhã, com o secretário de Estado dos Recursos Hídricos, do Meio Ambiente e da Ciência e TecnologiaJoão Azevêdo, para tratar de demandas do município que necessitam da intervenção do estado para serem solucionadas. Entre as providências solicitadas ao secretário, destacam-se a implantação do ensino médio em uma escola estadual, a perfuração de poços artesianos, a construção de um açude, a conclusão do matadouro público, além da retomada do Programa Pão e Leite e regularização da destinação de casas da CEHAP.

            De acordo com o deputado, a reunião foi muito produtiva porque além das reivindicações serem justas e estarem balizadas na necessidade de implantação das ações, todas as demandas estavam contextualizadas em um documento que descrevia a necessidade de cada uma delas. “O documento que foi entregue ao secretário lista cada uma das reivindicações, incluindo a justificativa de cada uma delas, ou seja, foi feito o pedido e junto com ele dada as explicações necessárias para que o secretário tenha a exata noção da importância de cada um dos pedidos”, disse Jeová.

            Em relação a perfuração de poços artesianos na zona rural, uma reivindicação urgente em função da seca que assola a região sertaneja, o documento reivindica a reativação de cinco dos 10 postos perfurados, já que metade deles não deram vazão suficiente para retirada satisfatória de água, além da perfuração de outros poços. A construção de um açude no sitio Olho D’água e a recuperação dos engenhos da localidade foi outra reivindicação. “Os engenhos geravam renda e emprego, mas sem água estão parados, deixaram de funcionar”, esclarece o deputado Jeová.

            A implantação do ensino médio na escola estadual Jovelina Gomes também é uma reivindicação importante que, inclusive, já foi pauta de reunião com o secretário de Educação do Estado, Aléssio Trindade, assim como a implantação do programa PROJOVEM  Rural, que já existiu no município, mas, atualmente, está desativado.

            As lideranças de Uiraúna também incluíram no documento a cobrança pela conclusão das obras e inauguração do matadouro público da cidade, que está sendo construído pelo governo estadual, justificando que o atual matadouro público municipal não tem mais condições de continuar em atividade nas atuais condições fitossanitárias e de instalações físicas.

A destinação de casas da CEHAP, doadas em 2012, ainda na gestão da prefeita  Glória Geane, a ordenação dos carros pipas contratados pelo governo do estado, a implantação de uma polícia motorizada e questões ligadas a Cagepa foram outras demandas das lideranças de Uiraúna debatidas com o secretário João Azevêdo, que ficou de avaliar a viabilidade de cada reivindicação e encaminhá-las para as secretárias correspondentes cobrando uma solução o mais breve possível. Segundo o secretário, as demandas são justas e em sua grande maioria possíveis de serem atendidas.