Ricardo insinua participação de vice de João Pessoa em assassinato de advogado

Por Júnior Viriato 02/11/2017 - 17:22 hs

As trocas de farpas entre Ricardo Coutinho (PSB) e o vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior (PMDB), estão cada vez mais pessoal.

Na última semana, o vice fez declarações de que o governador precisaria de um guindaste para içar a pré-candidatura do secretário de Recursos Hídricos João Azevedo, e que era importante que Ricardo explicasse a história do assassinato de Bruno Ernesto, em 2012, diretor de Infraestrutura e Suporte e coordenador do Programa Jampa Digital.

Em resposta as ilações de Manoel Júnior, em uma inauguração na cidade de Patos, Sertão, o governador insinuou à imprensa local que o vice-prefeito teria envolvimento na morte do advogado Manoel Matos, em Pedras de Fogo, que investigava a atuação de um grupo de extermínio no local.