CASO DE POLICIA NA CÂMARA DE ITAPORANGA: Vereador é acusado de extorsão a exs- funcionárias e todos os onze vão ser investigados

Solicitarei à Câmara uma lista dos atuais assessores e funcionários ,como também, os que já foram demitidos. Vamos investigar esses funcionários e os parlamentares

Por Júnior Viriato 14/08/2017 - 17:28 hs

Uma denúncia feita por duas ex-funcionárias da Câmara de Itaporanga em um programa de rádio  e reproduzida em redes sócias por vereadores de oposição, aponta que um parlamentar estaria extorquindo parte do salário das ex- funcionárias. O fato gerou polêmica na cidade e a Polícia Civil instaurou inquérito para apurar as acusações. O trabalho de  investigação poderá ser em conjunto com o Ministério Público (MP).


O teor da denúncia era de que as funcionárias estavam sendo obrigados a dividir o salário com um vereador . Não foi detalhado, entretanto quais seriam a formas desses pagamentos.

A declaração das ex- funcionárias repercutiram e chegaram ao conhecimento do delegado da policia civil Dr Glêberson Fernandes   ,que no começo dessa semana  o delegado titular instaurou inquérito para apurar o caso que agora irá investigar os onze  vereadores de Itaporanga.

segundo informações o delegado irá solicitar à Câmara uma lista dos atuais assessores e funcionários ,como  também, os que já foram demitidos. irá investigar esses funcionários e os parlamentares. para o delegado o delegado Glêbson  há indícios desse tipo de prática que servidores estejam dividindo salários com os vereadores ou com outras pessoas a mando de parlamentares , essa prática seja comum na câmara municipal.

 

 

 

CVN